Queridos Irmãos, membros das Fraternidades Nazarenas, Aspirantes a Irmãos, Comunidades Educativas, Comunidades cristãs, Catequistas e amigos da Família Sa-Fa:

“Chamados a viver e compartilhar a alegria do Evangelho” tem sido o lema motivador do nosso 38º Capítulo Geral realizado em Valladolid (Espanha), de 17 de julho a 6 de agosto. Um tema que facilitou uma rica experiência de discernimento espiritual, de fraternidade e de impulso missionário, que nos ajudou a descobrir o precioso dom da alegria que nasce do encontro com Jesus e seu Evangelho.

Como recém-eleito Conselho Geral, recebemos dos Irmãos capitulares a confiança e a responsabilidade de guiar o Instituto durante o próximo sexênio 2019 – 2025. Agradecemos esta confiança, reconhecendo o carinho e o apoio recebidos nestes dias.

Da mesma forma, queremos manifestar publicamente nosso agradecimento ao Ir. Juan Andrés Martos, por sua generosa entrega durante estes últimos 12 anos de serviço ao Instituto como Superior Geral. E com ele, agradecemos o serviço do Conselho Geral que encerra de quem assumimos a continuidade. Que o Senhor continue a abençoar estes Irmãos em suas novas missões.

Nós Irmãos do novo Conselho Geral damos graças a Deus por querer contar conosco e nos confiamos à sua bondade para que sustente nossas debilidades e faça com que nossos esforços frutifiquem.

Somos conscientes de nossos limites e da necessidade de uma conversão constante. Queremos continuar sendo instrumentos do Senhor seja Ele quem faça o seu trabalho em nós. Hoje, mais do que nunca, acolhemos as palavras de Jesus: “Quem permanece em mim e eu nele, produz muito fruto; mas sem mim nada podeis fazer (Jo 15,5). “Que o nosso Instituto seja a tua obra e não a dos homens” como sempre foi o desejo do Irmão Gabriel.

Temos a convicção de que a comunidade e a fraternidade sustentam nossa resposta vocacional e que o espírito de família é o laço vital que nos caracteriza. Que nunca nos esqueçamos desse valor que nos identifica! Acolhamos em nossas vidas as palavras do Irmão Gabriel: “O espírito do corpo e de família contribuem grandemente, queridos Irmãos, para a felicidade, a prosperidade e a força de uma Congregação religiosa”. Viver hoje os valores próprios do nosso espírito e da nossa espiritualidade nazarena nos levará a sermos mais irmãos de Cristo, mais irmãos entre nós e mais irmãos de todos os homens.

Durante a primeira semana do Capítulo, Irmãos e Leigos, tivemos a oportunidade de viver momentos de convívio, de oração e de discernimento. Juntos partilhamos a escuta dos sinais do nosso mundo, os convites que a Igreja nos faz e as realidades que nos desafiam. Da mesma forma, procuramos as profundas razões de nossa alegria, as chamadas que sentimos e as respostas que podemos dar. Tudo isso nos trouxe a alegria de caminhar e de olhar para o horizonte juntos. Nosso trabalho deu o fruto de um Documento orientativo que queremos que seja o roteiro para os próximos anos.

Neste horizonte, temos pela frente algumas orientações específicas do Capítulo como a reorganização do Instituto para um melhor cumprimento de sua missão e o desenvolvimento do Projeto Vida, entre outros. Sobretudo, temos o desafio de continuar a missão evangelizadora para que o Evangelho chegue a cada criança, a cada jovem e a cada família. Contamos com a colaboração das Comunidades dos Irmãos e de toda a Família Sa-Fa.

Este caminho a percorrer é uma oportunidade para renovar a utopia e a adesão a um projeto comum. A leitura atenta das respostas às Fichas preparatórias para o Capítulo, recebidas de mais de 100 comunidades e grupos da Família Sa-Fa, deixam clara a vida abundante que pulsa em nossa família. Mesmo assim, queremos melhorar e sonhamos com novas realidades.

O Capítulo expressou a necessidade de fortalecer um estilo mais participativo e sinodal na construção de nosso projeto comum. Ele insistiu em favorecer a corresponsabilidade, a escuta, o diálogo e a contribuição de todos. Como Conselho Geral, acolhemos estes chamados e tentaremos assegurar que assim seja no que nos diz respeito.

Nestes dias tivemos muito presentes os Irmãos mais velhos do Instituto, fiéis à sua vocação de Irmãos até ao final dos seus dias, com um testemunho de generosa dedicação, muitas vezes marcado por grandes sacrifícios. Uma grande lição para todos. Agradecemos a Deus por mantê-los até o fim e pedimos que os acompanhe atentamente.

Da mesma forma, lembramo-nos dos Irmãos de meia-idade que sustentam as árduas responsabilidades das Províncias com generosa dedicação. Agradecemos a Deus por cada um deles e por apoiá-los com sua força. Que junto com eles saibamos levar a boa nova do Evangelho para todos e estar perto daqueles que mais precisam de nós.

Sentimo-nos próximos ao grande grupo de Irmãos de votos temporários que, passo a passo, estão amadurecendo sua opção de entrega a Deus como Irmãos da Sagrada Família. Eles mantêm nossa esperança e os acolhemos como uma bênção de Deus. Agradecemos ao Senhor por sua vocação e lhe pedimos para que os acompanhe em seu crescimento.

Também estiveram muito presentes as Fraternidades Nazarenas e a todos os leigos Sa-Fa que se sentem unidos ao carisma e à missão do Instituto. É uma imensa graça de Deus poder estender a família nas diversas culturas! Pedimos que o Senhor sustente cada um e suas famílias no caminho do bem.

Que Irmãos mais velhos, Irmãos de meia-idade, Irmãos jovens e leigos Sa-Fa formemos uma única família, a Família Sa-Fa unida num mesmo espírito. Que a Sagrada Família e o Venerável Irmão Gabriel nos acompanhem e abençoem a todos e especialmente a este Conselho que inicia sua jornada.

 

Valladolid, 6 de agosto de 2019

 

Ir. Francisco Javier Hernando, Superior Geral;

Ir. David Rasero, Vigário Geral;

Ir. Pierre Kafando, segundo Conselheiro;

Ir. Enzo Biemmi, terceiro Conselheiro e

Ir. Néstor Achigar, quarto Conselheiro.