Como no mês anterior, decidimos juntar a novena do Fundador a um itinerário de oração vivido pela Igreja. Nesse caso, à oitava da oração pela unidade dos cristãos, que coincide com as datas de nossa novena mensal.

Entre as indicações dadas pelo Pontifício Conselho para a promoção da unidade dos cristãos, há uma que diz: “Igrejas e comunidades cristãs também podem incorporar as orações e os textos da Semana de Oração em suas próprias celebrações”. É isso que faremos enquanto mantivermos a memória do Irmão Gabriel e a oração pelas pessoas que pedem sua intercessão, juntamente com a grande preocupação de todos os cristãos pela unidade.

O tema para o ano de 2020 é: «Fomos tratados com um pedido incomum», retirado da passagem dos Atos dos Apóstolos (cap. 27, 18 a 28, 10), que conta a chegada de São Paulo e seus companheiros à ilha de Malta a caminho de Roma. “Dessa forma, todos conseguimos alcançar a terra são e salvos. Uma vez seguros, descobrimos que a ilha se chamava Malta. Os ilhéus nos trataram com um pedido incomum; e enquanto chovia sem parar e fazia frio, acenderam uma fogueira e convidaram todos nós a nos aquecermos. ”

Oração: Ó Senhor, que cumulastes o coração do Irmão Gabriel Taborin de fé viva e zelo ardente, para educar cristãmente a juventude e ajudar aos sacerdotes.

Fazei que, seguindo o seu exemplo, procuremos sempre a vossa glória.

E, se tal é o vosso beneplácito, glorificai o vosso servo, concedendo-nos, pela sua intercessão, a graça que solicitamos (…mencionando as pessoas para quem a intercessão do Irmão Gabriel é solicitada …).

Nós vos pedimos esta graça pelos méritos de Nosso Senhor Jesus Cristo, Amém.