Quem não vive para servir, não serve para viver”. (Madre Teresa de Calcutá)

Voluntários e voluntárias do Colégio Sagrada Família de Ambato viveram momentos inolvidáveis em diferentes comunidades durante a Semana Maior, Semana Santa. Neste período letivo, o lugar escolhido foi a paróquia rural do cantão Ambato; Paróquia San Fernando de Pasa. A comissão esteve conformada por 10 pessoas, entre estudantes, professores do colégio e irmãos, os quais fomos separados em 3 grupos (San Fernando, Tiliví e Calamaca Grande) foram os lugares que acompanhamos em todas as celebrações.

Três destinos, 4 dias, centenas de pessoas com necessidades não somente econômicas, mas também espirituais, três lugares praticamente esquecidos, três lugares onde a vida é muito difícil de levar, três lugares onde a gente vive feliz com sua realidade quando às vezes nem sequer têm para um pedaço de pão na mesa, onde a precária situação leva as pessoas com um pouco mais de condições a deslocar-se para regiões mais centrais com o fim de alcançar um pouco de independência econômica, que lhes sirva para ter uma moradia digna e benefícios que pelo momento não gozam.

Nossos missionários realizaram o seguinte: “Lavatório de pés” durante a Quinta-feira Santa; “Via crucis”, “Leitura e reflexão das sete palavras” e “Retirada do Senhor” na Sexta-feira Santa; “a Vigília Pascal” o Sábado de Glória; e por último a celebração pascal de domingo. Mas não só realizamos atividades dentro da Igreja, o trabalho dos missionários também se centra no acompanhamento e visita de famílias que necessitam de uma palavra de ajuda e de escutar a Palavra de Deus. Tivemos que adequar-nos às suas condições de vida, que não são nada dignas e aí pudemos entender que nossa condição de conforto não é sempre o que existe na realidade, que lá fora há pessoas que também necessitam de um Deus de amor. Por último nos convidou a ser uma Igreja de saída como diz o Papa Francisco, porque não basta só com rezar, se deve agir.