Como todos os anos e depois de uma intensa preparação (pré-missão), chegaram a Santa Maria, Catamarca mais de 150 jovens missionários provenientes de Córdoba, Buenos Aires, Tucumán, e um bom número de Uruguai para trabalhar nas diferentes localidades e bairros. Foram acompanhados por vários Irmãos e coordenadores.

Formaram-se 12 comunidades de missioneiros que se alojaram em capelas e escolas para atender os diversos bairros da cidade. Culminaram na escola de Las Mojarras onde foram realizadas várias atividades e uma avaliação positiva do realizado. O Ir. Valentín Vilca remarcou que “foi tudo um desafio receber a tantos jovens, já que este ano foi o de maior concorrência. Notou-se a presença de Deus em tudo”. Destacou-se o compromisso dos jovens já que “tivemos muito trabalho, mas também muita resposta. Missionamos felizes e por isso estou muito agradecida”, expressou uma das coordenadoras.

Como todos os anos e depois de uma intensa preparação (pré-missão), chegaram a Santa Maria, Catamarca mais de 150 jovens missionários provenientes de Córdoba, Buenos Aires, Tucumán, e um bom número de Uruguai para trabalhar nas diferentes localidades e bairros. Foram acompanhados por vários Irmãos e coordenadores.

Formaram-se 12 comunidades de missioneiros que se alojaram em capelas e escolas para atender os diversos bairros da cidade. Culminaram na escola de Las Mojarras onde foram realizadas várias atividades e uma avaliação positiva do realizado. O Ir. Valentín Vilca remarcou que “foi tudo um desafio receber a tantos jovens, já que este ano foi o de maior concorrência. Notou-se a presença de Deus em tudo”. Destacou-se o compromisso dos jovens já que “tivemos muito trabalho, mas também muita resposta. Missionamos felizes e por isso estou muito agradecida”, expressou uma das coordenadoras.