ALGUNS TRAÇOS DE HISTÓRIA

Em 5 de janeiro de 1950 se estabelece na rua Córsega 335 a 1ª Comunidade em Barcelona. Abre-se uma pequena escola e sua relação com a paróquia Santa María de Gracia faz os Irmãos conhecidos no bairro.

O Colégio cresce e se constitui no Colégio Sagrada Família na Avenida Diagonal 351 que é inaugurado em 1955. Já em 1955-56 a Comunidade conta com 14 Irmãos. O Colégio tem uma capacidade para uns 600 alunos.

Em 1956 se compra uma grande área de terra no bairro de Horta e no curso 1965-1966 começa o Colégio São José de Horta. A partir de 1960-61 se forma a nova comunidade com 10 Irmãos.

1Em 1965 o Colégio de Diagonal torna-se pequeno e se funde ao Colégio de São José. Quase todos os alunos de Diagonal passaram a Horta e esse alcança os 1435 alunos com todas as séries abertas. A Comunidade que o atende é de 33 Irmãos. Eles levam todas as áreas de ensino e muitas outras atividades.

No mesmo recinto colegial se cria a Comunidade de La Torre, que funciona de 1975 até 2013. Uma comunidade pensada para os jovens Irmãos que começavam a trabalhar e que deviam seguir sua formação. No curso 2012-2013 essa se anexa à Comunidade do Colégio.

COMUNIDADE RELIGIOSA ATUAL

2A Comunidade de Barcelona neste curso está integrada pelos seguintes Irmãos: Ir. Longinos Palomo (Superior e Capelão), Ir. Juan Maté (Diretor), Ir. Emilio Gutiérrez (administrador), Ir. Julio Santillán, Ir. Eleuterio Romero, Ir. Luis Flores, Ir. Luis Javier Conde e Ir. Ricard Gómez.

Dos oito Irmãos, três estão aposentados. A idade dos outros Irmãos oscila entre 29 e 64 anos.

Pelo nosso Projeto Comunitário, nos propusemos para este curso: Revitalizar nossa vida espiritual, de fé, sacramental; viver uma fraternidade mais autêntica; ser uma Comunidade significativa no Colégio e entorno e viver os valores nazarenos sentindo-nos unidos à Igreja local.

A MISSÃO DOS IRMÃOS

O Colégio conta com mais de 100 professores e 1835 alunos. Os Irmãos colaboram, cada um desde suas possibilidades, em todas as tarefas do âmbito educativo e do âmbito pastoral.

5Há três irmãos aposentados que também colaboram com seu testemunho e dedicação nas tarefas do colégio. O Ir. Julio se encarrega de abrir portas do colégio e se apresenta com seu melhor sorriso. Também se encarrega da Fraternidade Nazarena. O Ir. Eleuterio com sua boa mão para o desenho, cria as capas da agenda, do anuário… assim como outras publicações que durante o ano o colégio faz. E o Ir. Longinos, capelão do colégio, se encarrega de celebrar as Eucaristias dos domingos, os Sacramentos que se vão dando ao longo do ano, assim como também todas as celebrações escolares.

3Os outros cinco Irmãos: Juan, Emilio, Luis Javier, Luis Flores e Ricard, alternam suas responsabilidades educativas nas aulas com as atividades pastorais e de animação da fé dentro do colégio.

O Ir. Juan é o diretor do Colégio e professor, também é animador de uma comunidade e colaborador da pastoral. O Ir. Emilio se encarrega da administração do colégio e dá, no curso dos “maiores”, a matemática. O Ir. Luis Javier é tutor de 3º da ESO e leciona matérias na ESO e Bacharelado. Também é animador de uma comunidade de jovens. O Ir. Luis Flores dá aulas de Língua Castelhana e Religião na ESO e Bacharelado. É colaborador da Pastoral e leva um grupo de Primeira Comunhão. E por último, o Ir. Ricard é tutor de 6º de E.P e coordena a catequese de Primeira Comunhão e leva vários grupos de adolescentes e alguma Comunidade juvenil, é também o encarregado de animar a liturgia dos domingos.

4O Colégio Safa Horta apresenta um grande leque de atividades acadêmicas, pastorais, esportivas, culturais e solidárias nas quais a Comunidade de Irmãos se faz presente, não só com a presença física, mas também assumindo responsabilidades e o compromisso de apoiar a todos aqueles que desde seu trabalho (professores, treinadores, monitores de atividades) e sua fé (catequistas, voluntários de Carumanda), apostam por seguir com a obra que o Ir. Gabriel iniciou.

A missão partilhada e o carisma compartilhado são cuidados para assim formar uma Comunidade A missão partilhada e o carisma compartilhado são cuidados para assim formar uma Comunidade Educativa mediante a formação conjunta entre Irmãos e Leigos.

A INCULTURAÇÃO NA IGREJA LOCAL

A Comunidade e o Colégio são uma pequena parte da grande Arquidiocese de Barcelona. Desde a pequenez nos sentimos Igreja graças à colaboração na região pastoral de Horta. Um dia na semana acorremos à paróquia próxima de São Marcel, para participar na Eucaristia, celebrada em catalão; também fazemos em catalão a Liturgia das Horas das terças-feiras. O uso das duas línguas (catalão e castelhano) ajuda a identificar-nos com a sociedade pluricultural que nos rodeia.

Uma bonita atividade de colaboração é a recolha de alimentos de Natal: os alunos dos grupos de catequese se dividem pelos supermercados da região para pedir alimentos que logo se repartem aos mais necessitados por mediação das paróquias (Cáritas).

No nosso colégio aumenta ano após ano a diversidade cultural do alunado. Como centro optamos pela atenção à diversidade, ajudando de maneira especial os alunos que têm necessidades educativas especiais. O refeitório escolar se está convertendo também num centro de interculturação, já que se atende aos pedidos alimentares que são realizados por motivos de religião (hindus e muçulmanos, especialmente).